16.10.2019

[ERRATA] CRP11 sobre atendimento psicológico e vítimas do desabamento do edifício Andréa


[ERRATA informamos que na nota emitida por esta autarquia, na data de 16/10/2019 na linha 05, onde lê-se "psicóloga e tenente-coronel Diana Veras Feitosa, do corpo de bombeiros" leia-se "tenente-coronel Diana Veras Feitosa, do corpo de bombeiros, e serviço de psicologia da SSPDS"]

O CRP11 está desde o dia 15/10 em contato com instituições oficiais responsáveis pelas ações de resgate e suporte no desabamento do edifício Andréa no bairro Dionísio Torres. Estivemos in loco nos dias de ontem e hoje para acompanhar, orientar a categoria e fornecer o apoio necessário à situação. 
Diante disso, informamos que: estão ocorrendo ações de suporte em saúde mental no local do acidente sob a coordenação da psicóloga e tenente-coronel Diana Veras Feitosa, do corpo de bombeiros; suporte aos familiares das vítimas por meio de psicólogas voluntárias em regime de escala, subordinadas a psicólogas coordenadoras locais; assim como retaguarda de psicólogas vinculadas à secretaria municipal de saúde. Destacamos que esse formato articulado de organização está de acordo com as diretrizes de atuação da psicologia em emergências e desastres, de forma que apoiamos o trabalho das profissionais envolvidas. (...)

Continue lendo aqui na íntegra a nota emitida pelo CRP11.

Cadastre-se como voluntária(o) aqui